.

.

27 de abr de 2017

Download e Refresh

A maioria das pessoas vive afirmando que adora fazer novas amizades. Sou uma delas - mas não hoje. Resolvi fazer uso da porção de incoerência a que todos os humanos tem direito.

Chega um momento da vida em que a gente pensa mais no passado. É aí que começamos a duvidar de que qualquer nova amizade possa ser real e firma. As vezes acho meio difícil acreditar que quem não conhece minha família, não me viu adolescente, não conhece o passo a passo da minha vida, possa me amar. Porque como podemos amar quem não conhecemos realmente?

É possível amar, mas amar mesmo, quem a gente não conhece?

É possível conhecer alguém realmente?

Bem, hoje vou ficar com a tese de que a gente não ama quem não conhece. Amar uma miragem, uma construção mental unilateral, não tem valor algum. Eu sou o meu passado. Eu sou o que eu fui e o que eu gostaria de ter sido. E você jamais saberá o que eu gostaria de ser nem o que eu sou se não souber quem eu fui.

Me conhecer agora é mais ou menos como começar a ler um livro a partir do meio, deixando para lá o prefácio, a dedicatória, a introdução e os primeiros capítulos.  Não digo que você não vá entender nada. Entende, mas entende pouco. E às vezes "entende errado".

Uma pessoa pode ter novas amizades, mas se não tiver as antigas estará para sempre com o coração capengando. Eu me sentiria uma fraude se só conhecesse novas pessoas. É como se eu estivesse enganando a todas, sonegando-lhes minhas verdades.

Uma amizade requer tempo. Requer download de arquivos antigos. Enquanto o download não terminar não teremos entre nós nada de consistente.   Download demora. Requer paciência. Por isso nem sempre posso repetir com toda a sinceridade que adoro fazer novos amigos. Adoro conhecer gente; esse é um aplicativo leve. Mas fazer novos amigos... aí já é um programa pesado. Excelente mas pesado. Haja HD!

Por fim declaro que às vezes é necessário um "refresh", para interrompermos dowloads desnecessários e reavaliarmos a capacidade do nosso disco rígido.

Postar um comentário